25 Maio, 2017
Posted in Imprensa
21 Agosto, 2017 Ana Cruz

Coaching: old me – new me

Imagine o seguinte cenário: pretende montar um puzzle de 100 peças, mas à sua frente tem apenas 40. Sabe que terá as peças restantes em algum lado, mas não sabe onde! Mais ainda, perdeu a caixa e não tem a imagem final do puzzle! Tornar-se-á difícil o puzzle fazer sentido, correcto? Não seria mais fácil ter a ajuda de alguém para encontrar as peças e, também importante, que tenha a imagem bem presente em mente, para o guiar? Pois, este é, de forma sucinta, o papel de um Coach.

 

 

 

 

Recorrendo a técnicas de questionamento sistemático, desafio/apoio, encorajamento e feedback genuíno e directo o Coach impulsiona a mudança do(s) Coachee(s), a nível quer pessoal quer profissional, fazendo-o(s) melhorar competências em diversas áreas, através da aprendizagem sobre o próprio (auto conhecimento) e da prática de novos comportamentos. Ao apostar no compromisso do(s) Coachee(s), esta é uma metodologia que permite resultados mais rápidos e eficazes.

 

Este processo reflexivo e interactivo entre Coach e Coachee(s), pressupõe objectivos específicos, que deverão ser cumpridos, a curto prazo, ao longo das sessões de Coaching. Para que a intervenção produza os resultados desejados, dever-se-á, num primeiro momento, criar uma relação de confiança entre os intervenientes e definir as condições actuais problemáticas ou geradoras de desconforto. Após a definição de uma visão e de objectivos a alcançar, uma etapa de aprendizagem e feedback supõe a reflexão, autoquestionamento, tomada de perspectiva social e mudança de observador. Com a definição de um plano de acção, Coach e Coachee(s) definem acções concretas com vista a alcançar os objectivos já estipulados e, num contexto de Follow Up será realizada uma avaliação dos resultados obtidos e aplicadas medidas correctivas. Assim, e de acordo com um estudo realizado por Kombarakaran e Yang (em 2008), o processo de Coaching gera mudanças nos seguintes domínios: gestão de pessoas, definição e priorização de objectivos, comunicação, relacionamento com gestores e produtividade e compromisso.

 

As soluções nesta área poderão ser diversas e deverão ser à sua realidade e à realidade da sua empresa, como por exemplo:

 

 – Executive Coaching – Tem de realizar um speech motivacional dirigido aos seus colaboradores e sente alguma dificuldade em falar em público ou não consegue definir um caminho coerente no discurso? Sente necessidade de melhorar a sua performance (ou de um gestor) na sua empresa? Ao trabalhar activamente com um Coach, conseguirá definir objectivos claros e realistas e, com um acompanhamento individual, alcançar a sua visão a curto prazo.

 

 – Coaching Motivacional – Considera que o trabalho que realiza já não o satisfaz? Ou, por outro lado, gostaria de perceber se um colaborador seu se adequaria a uma função num diferente departamento da empresa? A ferramenta Reiss Motivacional Profile (RMP), permite obter a impressão motivacional de cada Coachee e responder a esta e a muitas outras questões. A Consulting House é a única empresa no mercado Português onde todos os Coaches são certificados como Masters nesta ferramenta, o que nos permite a aplicação do RMP e análise de perfis motivacionais da sua empresa (individuais e de grupo).

 

 – Team Coaching – Sente que a sua equipa tem dificuldade em definir e cumprir objectivos que sejam ao mesmo tempo realistas e desafiadores? Na sua empresa, considera que existe um “ambiente pesado” entre os membros de uma equipa e ninguém consegue identificar o problema? Uma análise cuidada do perfil motivacional (RMP) e de liderança de cada membro da equipa, a comparação dos mesmos e o acompanhamento específico do Coach, possibilitará, no final do processo, uma melhor compreensão interpessoal e um fortalecimento das relações entre os membros da sua equipa.

 

Multicultural Team Coaching – Trabalha numa empresa multinacional, onde uma percentagem dos seus gestores vem de países e, como consequência, de culturas diferentes? Sente que esta diversidade causa, por vezes, desentendimentos entre equipas ou colaboradores? A intervenção dos nossos Coaches, com experiência a nível internacional – em países como Alemanha, EUA, Suíça, Espanha, Austrália ou Itália – permitiria o diagnóstico, gestão e mudança da cultura da sua empresa e, como consequência, uma melhor compreensão entre colaboradores.

 

Para qualquer “quebra-cabeças” um bom Coach e Consultor facilitará a co-construção de uma solução.

 

Só precisa de encontrar a peça certa, que dará sentido ao seu puzzle.

Outras Sugestões

,
Free eBook - Pandemic Lessons for Top Management Teams